home autoras personagen histórias ID

Indicações de doramas na netflix


Postagem feita no projeto Colonia de férias do ID pela equipe Team Luke


Olha olha quem voltou? Eu mesma a GV e agora é a vez de doramas, adorrooooo. 

1- My runway 


Sinopse: Um modelo egocêntrico e uma aspirante a modelo embarcam em divertidas e inusitadas aventuras ao trocar de vida e de corpo.


É um dorama extremamente pequeno, se não me engano tem 8 episódios de 20 minutos cada um, dá para ver em um único dia se você maratonar.

Já comecei meio com o pé atrás só lendo essa sinopse que mais clichê impossível e tive a sensação que iria ser muito ruim mas deixa eu dar graças a deus que gosto de ver coisa ruim, se não, nunca teria visto esse dorama e adorado, de verdade. 

Bem, como eu disse antes é bem clichê mesmo, que os dois trocam de corpo e você pensa, não porque eu já sei o que vai acontecer, eles vão adorar isso e bla bla blá. Mas não, pelo contrário como a moça queria ser uma modelo e o cara que ela mudou de corpo é um modelo ela adora quando o seu sonho se torna.



Outra coisa que me cativou muito foi como os personagens amadureceram( na medida do possível já que não tinha muito tempo) e entenderam que eles tinham que trabalhar junto para deixar o mais confortável para os dois. Gostei também que os padrões da sociedade foram quebrados e rolou até um beijo gay.


Mas enfim, se eu falar mais dou Spoiler, não é aquele dorama que você fala: Olha que hino, mas eu achei fofinho se você quiser ver algo Romântico em um dia.



2 - Never Die

Sinopse: Min Se Yeon (Nam Ju Hyun) tem 200 anos e tem lidado bem com a sua imortalidade até que ela conhece Lee Jung Hoon (Ji Eun Sung), um trabalhador social que ela salva de um acidente de trânsito. Apesar de sua idade avançada, Se Yeon tem a aparência jovem, é bonita e está sempre na flor da idade, mas a imortalidade tem um preço. Será que Se Yeon e Jung Hoon desafiarão o tempo em nome do romance?


Mais um dorama pequeno para a lista, se não me engano tem 5 episódios de 20 minutos cada um.


Para ser bem sincera, foi um dorama que não me deixou nenhuma marca, sendo que eu nem lembrava da história direito para fazer essa resenha.


Acho que o maior problema dele foi dar uma corrida enorme com a história, já que não tinha muito tempo. Várias coisas ficaram sem explicação, ou uma explicação muito rasa.


Por exemplo: Eles se conheceram no primeiro capítulo e no segundo já estavam namorando e ele sabia da imortalidade dela. Se fosse um dorama mais longo, com certeza iria ter um pouco de futuro.


Mas a história em si, não me impactou, achava que seria muito mais interessante, mas não, acho que a personagem original sem sal, por isso que acabei achando que não era muito bom.


Adorei de paixão o garoto desse Dorama, o perfeito nerd, romântico e no mesmo instante que coloquei o olho nele, já gostei dele( não posso falar o mesmo dela)


O ponto alto com certeza foi que as vezes desenhavam na tela, dando um ar mais brincalhão, achei bem diferente do que tinha visto, por isso merece uns pontos altos.


E o final? A história em si, não me chamou a atenção mas com certeza o final acho que foi a melhor parte, eu simplesmente amei e por ele que eu acho que deveria ter tido uma continuação.


3 - My queen





Sinopse: Shan Wu Shuang (Cheryl Yang) é uma mulher de 33 anos, repórter de uma revista, que é devota a sua carreira depois que seu noivo Yun Hao (Wen Sheng Hao, Office Girls) a abandonou. Lucas (Ethan Ruan) é um garoto romântico de 25 anos que mal se sustenta fazendo os trabalhos mais estranhos que possam aparecer. Quando ele acaba a ajudando em uma tarefa, os dois começam a se apaixonar, apesar da diferença de idade. Mas quando Yun Hao volta para Taiwan esperando retomar seu romance com Wu Shuang, ela não sabe em quem deve confiar: o seu antigo amor que a conhece de cor, ou a esse jovem romântico que lhe oferece um começo refrescante.


Esse é mais longo, cada episódio tem 45 minutos e se não me engano, tem 33 episódios, como se fosse quase uma novela.


Se não me engano, esse foi o segundo Dorama que assisti e até hoje tem um espaço reservado em meu coração.


Já falo que o primeiro capítulo é muito mas muito ruim, começa com a principal com aqueles uniformes estilo japonês, sendo que ela têm 33 anos, bem bizarro, mas depois que você passa esse episódio que precisa ter muita força de vontade as coisas começam a se engatar.

Uma coisa que eles não tem é vergonha de sexo, já que acho que no quarto episódio os dois principais já estão se pegando, mas ai que começa o Dorama mesmo: Quando ela percebe que ele é mais novo que ela.



Como se não bastasse o caso de uma noite, eles viram vizinhos, ela começa a morar com ele em um certo ponto e acima de tudo, começam a trabalhar juntos, então já podem sentir a tensão no ar.


O que mais gostei foi o quanto cada episódio foi planejado para você querer ficar mais curioso para que ponto iria chegar, e quando você via, estava chocado com o fim querendo continuar.


A minha parte favorita com toda certeza foi o quanto mostra a personalidade de cada um, seja os seus medos, as suas conquistas ou simplesmente mostrando eles como pessoas tão naturalmente que com certeza você poderia os encontrar na rua como pessoas normais.


Claro que no meio tem a clássica disputa dos dois homens querendo a mesma mulher, mas acima disso sempre tem um problema que parece impossível de se resolver para os dois ficarem juntos e isso só me fez querer assistir mais rápido.


E como elas amadureceram no Dorama, eu fiquei tão contente quando vi a enorme trilha que andaram e não podia ser melhor. Sempre nos mostrando que mulher não precisa de macho para ser feliz, muito menos casamentos.


Eu particularmente adorei o Dorama e juro que é bem mas bem melhor que o primeiro capítulo HAHAAHA.


4 - Descendants of the sun


Sinopse: o amor e a primeira vista quando o Capitão das forças especiais Yoo Shi Jin (Song Joong Ki) encontra por primeira vez uma linda médica chamada Kang Mo Yeon (Song Hye Kyo). Mas mesmo antes de embarcarem nesse amor, os dois percebem que trabalham com valores opostos - um soldado que tira vidas e uma medicina que como salva. Um ano depois do primeiro encontro, uma reunião fatal os leva para Urk. Será que o amor entre Shi Jin e Mo Yeon será maior que como batalhas travadas em suas vidas?


NINGUÉM ME TOCA QUE ESSE É O MEU DORAMA.


Ele é bem longo, tem em média uma hora e são 16 capítulos. Lembro até hoje que foi o primeiro Dorama que vi e deixa eu dar amém. Acho que muitos de vocês já ouviram falar, já que ele é bem famosinho.

Gente, tenho tanto amor por esse Dorama que não consigo colocar em palavras, de verdade tudo nele é perfeito.

Começando pelos personagens principais que são tão cativantes e tão mas tão fofos que dá vontade de guardar em um pontinho e nunca mais abrir. Mas claro que isso não é um ponto extra para começar a ver.


O que mais gostei mesmo foi a profissão do soldado, quer dizer, não é todo dia que vemos um dorama com essa temática, o que dá com certeza um ar mais de cenas de ação, o que tem muitas. Vemos vários que tem médicos como principal, mas esse a equipe médica vai para um lugar tipo médicos sem fronteiras e isso que me chamou a atenção, não vemos isso diariamente.


E o oposto que eles vivem? Uma é médica e o outro é soldado, um mata e a outra salva, o que parece ser um amor bem improvável, mas isso que deixa tudo melhor, essa coisa de razão e emoção, será que eles vão conseguir dar certo? Como se fosse um jogo de gato e rato.


Que cena hino, melhor cena que você respeitaDeixa eu enaltecer ao quadrado pois os dois atores principais se casaram. Meu shipper virou realidade, morta. 

Falando em cena, que fotografia maravilhosa é essa que eles tem? Eu sempre sinto como se estivesse lá presenciando de tão real que é. As cores mixam tão bem, como por exemplo nesse gif acima o ambiente combina com a roupa do soldado.


Mas, não é somente o casal principal fofinho que você morre de amor, tem também o casal secundário que pelo amor de Deus, impossível não se apaixonar.


Ela é um cargo bem acima dele, quer dizer que ela é a sua chefe o que já amei de princípio, mostrando que mulher também tem cargos ótimos. Sem contar que eles tem uma história de muito tempo atrás que reflete nos dias de hoje. É tão bem mostrado que você parece que vive realmente os personagens, chora quando precisa, fica tenso e sempre quer matar um ou outro quando alguma coisa de ruim acontece.



E último ponto antes que eu fale por mil anos que vocês somente precisam ver esse dorama, sem explicação.


É que trilha sonora é essa, bixo? Com certeza são músicas que fica em sua cabeça e toda vez que toca você fica cantando. E um dia desses, fui ler a tradução e de verdade, tinha tanto com o casal que parecia que foi exclusivamente escrito para eles. Ai meu coração.


Eu não preciso mais falar nada, só que DOTS merece mais que o mundo ser exaltados, um hino desses mano.



5 - Noble, My love

Sinopse:
Uma amável veterinária salva um executivo egocêntrico que foi vítima de um ato violento. Ao começarem a se apaixonar, ambos precisam superar as diferenças.


Mais um pequeno, cada episódio tem em média de 15 a 20 minutos, com 20 episódios ao todo.


Para falar a verdade ele realmente não me marcou, é bem mas bem clichê a história, um cara rico que conhece uma mulher bacana, ele quer comprar favores mas ela não aceita até que para chegar em algo que os dois querem um contrato de namoro se faz presente.


Nada de novo. Eu também tive uma grande dificuldade de gostar do ator principal, rosto dele parecia tão de boneca que chegou a me irritar, não só isso como os seus próprios movimento e o tom de sua voz , como se fosse um robô.


A mocinha não falo nem bem, nem mal ela não me cativou mas também não a odiei. Acho que como a história, a atuação deles em si foi bem normal, não vi nada de muito espetacular em nada, seja na história ou qualquer outro ponto, para falar a verdade.


O final também foi tão mas tão previsível que olha, mais uma coisa que não fiquei chocada com….


Então se quiser realmente ver uma coisa que não vai mudar nada em sua vida, esse Dorama é muito indicado.

Espero que tenham gostado e um beijo para vocês, seus lindos.




Nenhum comentário :

Postar um comentário